Certificado

Gestão ambiental nas empresas pode evitar autuação do estabelecimento

22 de novembro de 2016
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn
De acordo com o representante da BR+10, as empresas já buscam alternativas para gestão de sistemas de resíduos sólidos no país.

De acordo com o representante da BR+10, as empresas já buscam alternativas para gestão de sistemas de resíduos sólidos no país.

Palestra esclarecedora sobre auditoria de resíduos sólidos, orientou empreendedores e acadêmicos sobre a importância do sistema de práticas sustentáveis nas empresas.

Sensibilizar para melhoria da gestão ambiental dentro das empresas e os impactos positivos que gera as cidades por meio de práticas sustentáveis, foram as principais temáticas discutidas na palestra “Auditoria de sistemas de gestão ambiental e os resíduos sólidos”, ministrada pelo empreendedor Leandro Henrique, da empresa de Gestão Ambiental BR +10, especializada em gestão de resíduos, logística reversa e coleta seletiva.

A palestra esteve na grade de programação do TECH NORDESTE – Fórum de Ciência, Tecnologia e Inovação Sustentáveis para o Desenvolvimento da Região Nordeste, promovido pelo Sebrae no Maranhão, Sistema Sebrae Nordeste e parceiros institucionais, no Centro de Convenções Pedro Neiva de Santana, em São Luís, de 16 a 18 de novembro.

A palestra despertou os empreendedores e demais participantes sobre as ações necessárias para se implantar e gerenciar um sistema de resíduos sólidos dentro das empresas, utilizando práticas eficazes e preventivas para evitar a autuação dos estabelecimentos, assim como seu possível fechamento.

Por meio de exemplos práticos, os participantes puderam entender como empresas consideradas casos de sucesso estão realizando a implantação de sistemas de gestão de resíduos. Henrique mostrou que a parte ambiental nas empresas é algo mais abrangente de um setor empresarial, faz parte da ecologia natural dos ecossistemas, contribui para uma cidade sustentável que proporciona melhorias para a população em geral.

“As empresas evoluíram no entendimento da importância da gestão de sistemas de resíduos sólidos, elas já buscam alternativas e se organizam em relação a isso. Ao mesmo tempo, vemos muitas empresas fechando, sendo autuadas por não cuidarem dessas questões ambientais. É uma cultura e precisamos despertar nossos gestores e população em geral que isso não depende de fatores econômicos exclusivamente e, sim, de conscientização ecológica”, comentou o representante da BR +10.

O palestrante trouxe diversas experiências positivas da empresa especializada em gestão de resíduos para o Fórum, no sentido de orientar para as práticas sustentáveis no Nordeste, aproveitando as potencialidades naturais já existentes na região.

As fases de organização da gestão ambiental nas empresas compõem os processos de matrizes de identificação de resíduos, quantificação e qualificação das pesagens. Quando as empresas não podem executar esses procedimentos de forma prática, Leandro orientou para os documentos necessários que devem estar disponíveis para uma possível auditoria, descrevendo as maneiras utilizadas no processo de reprodução dos resíduos sólidos e, assim, evitando autuações.

“Como empreendedora sempre busquei ter esse compromisso de reaproveitamento e reciclagem dos resíduos da minha empresa, de uma maneira organizada, com prática de gestão. Porém, não encontrava esses caminhos que me orientassem os passos. Vim para o TECH NORDESTE justamente para receber essas inovações aplicáveis ao meu empreendimento, no sentido de contribuir para sustentabilidade da minha cidade”, comentou a empresária Ivana Paiva da cidade de Imperatriz, que participou do Fórum.

Sobre o evento
O TECH Nordeste teve como objetivo criar um espaço referencial de geração e difusão de conhecimentos científicos, tecnológicos e inovadores na região Nordeste para a construção de conteúdos qualitativos e soluções aplicáveis ao dia a dia dos pequenos negócios e da sociedade nordestina.

O evento contou com o apoio do Senai, Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação, Emap, TVN, Enova, Infortask, Hack São Luís, Fapema, Embrapa, Ufma, Uema, Ifma, Faculdade Pitágoras e Faema.

Não perca tempo, participe!


Antecipe seu credenciamento e evite filas no acesso ao evento. Basta inscrever-se gratuitamente aqui no site e comparecer ao Centro de Convenções Pedro Neiva de Santana.
As capacitações não terão inscrições prévias. As vagas são limitadas e serão preenchidas de acordo com a ordem de chegada dos participantes.


Programação Certificado
Parceiros
Infortask UFMA IFMA UEMA TVN FAEMA FAPEMA EMBRAPA Enova Pitagoras Hack São Luís
Apoiadores
SENAI EMAP SECTI
Realização
Sebrae
fique por dentro do evento
Assine nossa newsletter